Que tal receber algumas recomendações de conteúdo personalizadas para você?

Marketing

Boas práticas para o e-mail marketing

6 novembro, 2018

Se você é daqueles que pensam que a era do e-mail marketing já tinha passado, você está muito enganado! Fique sabendo que esse canal ainda é uma das melhores formas de gerar e converter leads.

De acordo com uma pesquisa realizada pela Per Research, 92% dos adultos presentes no mundo online usam e-mail, sendo que 61% deles chegam a utilizá-lo diariamente. E pra você que ainda não se convenceu da importância dessa estratégia, saiba que o ROI do e-mail marketing é o maior do mercado.

O e-mail marketing se tornou a melhor maneira de entregar os conteúdos certos, para as pessoas certas, no momento certo. Confira nosso post e fique por dentro de todas as dicas!

Boas práticas do e-mial marketing

Por que devo usar e-mail marketing?

Se você ainda não tem o costume de coletar o e-mail dos visitantes da sua página através da assinatura de newsletter, tá perdendo tempo. Descubra agora os motivos para começar a implementar essa estratégia:

Formato personalizado

No e-mail não existem limitações e nem regras a serem seguidas, ou seja, ele pode ter o formato que você quiser e conter a quantidade de caracteres que você desejar. É óbvio que existem boas práticas a serem seguidas, nas quais abordaremos futuramente, mas o mais interessante, é que você pode inovar usando imagens, gifs e ainda direcionar seus leitores a links relevantes para o seu objetivo.

Alcance alto e previsível

Você pode até não ter uma conta nas redes sociais, mas certamente você terá um e-mail, pois pequenas práticas rotineiras como fazer uma reserva ou compra online dependem desse canal para serem efetuadas.

Segundo pesquisas do Radicati Group, até 2020, 3 bilhões de pessoas no mundo ultilizarão e-mail. E aí? É ou não é um alcance alto?

Além do alto alcance, também podemos dizer que essa prática é 100% previsível na hora de quantificar os usuários você alcançará, visto que se você escolher uma lista com 500 contatos, essas 500 pessoas irão receber sua mensagem, caso não exista nenhum problema técnico.

Melhor retorno financeiro

Para fazer uso dessa estratégia, você não precisa de muito. Basta um domínio, uma ferramenta de e-mail marketing e uma pessoa responsável pela execução.

O mercado possui uma infinidades de possibilidades de ferramenta que se adequem a sua necessidade. O que você irá perceber é que independente da sua escolha, esse investimento nunca será tão alto que não valha a pena. Afinal de contas, as pesquisas da Convince&Convert apontaram que consumidores que compram produtos promovidos por meio de e-mail marketing gastam 138% mais que consumidores que não recebem ofertas por e-mail e 44% dos destinatários de email realizam ao menos uma compra por ano baseado em um email promocional.  

Tipos de e-mail marketing

O e-mail marketing oferece vários tipos de estratégias de Marketing Digital, desde o envio de ofertas e avisos úteis a newsletters. Diante de tantas opções, vamos apresentar algumas das mais usadas, para que você possa planejar sua estratégia:

Newsletter

Uma das mais usadas, as newsletters são uma ótima maneira de criar relacionamento com seus leads e torná-los mais engajados.

Se a sua empresa possui um blog com calendário editorial definido, a newsletter pode ser uma boa forma de alavancar o alcance do seu conteúdo.

E-mails promocionais e de vendas

Esse tipo de e-mail tem como objetivo, promover uma oferta de um produto físico ou cupom de desconto, como também um e-book, software ou uma consultoria gratuita.

Se você tem um e-commerce, é legal também enviar e-mails após o abandono de carrinho. Você sabia que as desistências de carrinhos chegam a 67% mas quase 30% das pessoas que recebem um e-mail de abandono acabam mudando de ideia? Pegue essa dica!

E-mail para clientes inativos

Uma prática que deve ser frequente é a de acompanhar os leads que estão desengajados e fazer um disparo exclusivo para eles. Nesse e-mail você poderá oferecer uma oferta ou perguntar que tipos de conteúdo ele gostaria de receber.

E-mails sazonais

Esses servem para datas comemorativas, sejam elas comum a todos os usuários, como Natal e Black Friday, por exemplo, ou personalizadas, como o aniversário do seu cliente ou parabenizá-lo por alguma conquista. A ideia principal é fazer com que seus leads se sintam lembrados em momentos importantes.

Automação de e-mails

É o envio de e-mail de forma automática, porém de maneira personalizada de acordo com a ação realizada por cada lead.

Você pode começar enviando um e-mail de boas vindas para todos aqueles que optarem por assinar a sua newsletter, por exemplo. Depois, pode focar em nutri-los e educá-los, ou seja, enviar conteúdos pelos quais o usuário demonstrou interesse em baixar ou clicar. Para utilizar esse formato, é necessário montar um esquema com os conteúdos e frequências em que serão disparados, para que assim, você consiga fazê-lo avançar na jornada de compra e chegar ao fundo do funil, onde provavelmente estará mais disposto a comprar.

 

10 práticas de sucesso para seus envios

  • Conheça seu público-alvo: com essa informação será mais fácil ser objetivo e estabelecer a linguagem adequada para sua persona;
  • Construa um calendário editorial: isso ajudará a se planejar e organizar. E lembre-se em ter cuidado com a frequência dos envios, o recomendado é um disparo por semana, chegando a no máximo dois;
  • Evite remetentes genéricos: isso te dará mais credibilidade. Pesquisas indicam que 68% das pessoas tomam a decisão de abrir o e-mail com base no remetente. Portanto, opte por seguir o padrão: seunome@empresa.com.br, essa identidade criará um sentimento de confiança e aumentará as taxas de abertura;
  • Use assuntos atrativos: essa é a melhor forma de prender a atenção de seus usuários. O assunto é um dos principais elementos que influenciará na abertura de um e-mail;
  • Inclua sempre links e imagens: essa técnica ajuda a chamar mais a atenção dos usuários para o seu conteúdo, sem deixá-lo massante. O ideal é manter um padrão de 60% texto e 40% imagens, mas cuidado! As imagens não podem pesar no seu e-mail, portanto, nada de imagens acima de 100kb;
  • Tenha sempre CTAs: não ultrapasse o limite de três por e-mail e procure colocar a primeira logo no início. Isso ajudará a direcionar seus usuários a tomada de decisão.
  • Inclua suas redes sociais: coloque o link das redes sociais onde estão presentes sempre à vista. É ótimo para os clientes terem dimensão de onde encontrar mais informações sobre o seu negócio;
  • Pense sempre para que ele seja responsivo: 80% dos usuários de e-mails afirmam abrir seus e-mails em dispositivos móveis, ou seja, não precisamos nem alertá-los sobre essa importância, né?
  • Faça testes A/B: eles ajudarão a entender as melhores práticas para os seus disparos;
  • Mantenha um link para descadastro: ajudará a manter sua entregabilidade, já que diminui as taxas de reclamações, marcações de e-mails ou insatisfações em pertencer a aquela lista;

Análise das métricas

Sempre após um disparo, é importante mensurar os resultados! A própria ferramenta de envio é capaz de gerar um relatório em relação às métricas de desempenho.

É muito importante acompanhar esses dados, pois serão eles que te ajudarão a entender os pontos que devem ser melhorados ou mantidos nos futuros disparos. Através desses dados, também será possível entender qual dia e horário aumentam as chances de conversão dos seus usuários, se sua lista contém contatos reais, se eles estão engajados e muitos outros dados.

Confira agora algumas taxas que merecem atenção, mas lembre-se, os valores podem variar de acordo com cada tipo de segmento:

Taxa de entrega

É porcentagem de e-mails que foram entregues. Uma taxa boa é igual ou maior que 98%.

Uma prática que mantém essa taxa alta é evitar a compra de listas de e-mail, pois muitas vezes podem existir usuários fakes.

Taxa de abertura

É a porcentagem de e-mail que foram abertos. Uma taxa considerada muito boa gira em torno de 15%. Para manter essa taxa alta é necessário caprichar no assunto do e-mail e fugir de palavras que lembrem spams.

Taxa de cliques

É a porcentagem de e-mail que foi clicado. Precisando de uma referência? Uma taxa boa é começa a partir de 2% e para manter essa taxa alta, capriche nos CTAS.

Até agora só falamos de taxas positivas, aquelas que quanto maior, melhor. Porém, é preciso ter atenção com algumas taxas que não são boas para os seus disparos, como:

Taxa de rejeição

Também conhecida como bounce rate, é a porcentagem de e-mails que foram rejeitados pelo servidor do destinatário. Ela pode ser dividida em dois tipos:

  • soft bounce: que é quando a mensagem não é enviada por algum motivo temporário, caixa de entrada lotada, por exemplo, e deve permanecer abaixo de 5%;
  • hard bounce: ocorre quando a mensagem não pode ser entregue por algum motivo permanente, ou seja, o e-mail não existe ou não está em uso. Para essa taxa, o melhor é mantê-la abaixo de 3%.

É importante destacar que é de extrema importância manter essas taxas baixas para que elas não afetem na entregabilidade de e-mails futuros ou até risco de um bloqueio permanente. Por isso, aconselhamos a nunca comprarem listas de e-mails, pois as chances de terem e-mails inválidos e dar hard bounce é enorme.

Taxa de descadastramento

É a porcentagem de pessoas que solicitaram cancelar o recebimento de seus e-mails. O ideal é tentar mantê-la em no máximo 1%. Caso essas taxas venham a crescer ou estejam muito maiores do que o esperado, é hora de rever seu planejamento. Pois você pode estar errando no conteúdo, no momento do disparo, na frequência ou até mesmo no layout escolhido. Mas antes de rever isso, tenha certeza que na sua base realmentes está com pessoas que pediram para estar nela e tenham interesse pelo seu produto ou serviço.

Ferramentas de envio

Hoje em dia o mercado oferece uma variedade enorme de opções que vão das mais simples às mais elaboradas. Na hora de decidir é bom ter em vista seus objetivos, número de contatos na lista e quantidade de e-mails que pretende disparar por mês. Os preços variam e existem até opções gratuitas. Para te dar uma forcinha, reunimos aqui algumas para te apresentar:

Mailchimp

Atualmente, o Mailchimp é a ferramenta que oferece a opção gratuita mais famosa no mercado. Sua versão free possibilita o envio de até 12 mil e-mails por mês para até 2 mil contatos.

Ele é super fácil de usar, possui diversos templates, é possível criar listas personalizadas, segmentar campanhas, fazer integrações com outros software e mensurar os resultados através de relatórios.

Se suas necessidades vão além do que a versão gratuita pode oferecer, saiba que existem planos a partir de 10 dólares mensais que podem disponibilizar mais benefícios para sua estratégia.

Mail to Easy Pro

Uma ferramenta da Dinamize, o Mail to Easy Pro possibilita além das características básicas presentes nos outros, abandono de carrinho, integração com SMS, fazer testes A/B, mapa de pós cliques, entre outras funcionalidades.

E-goi

O E-goi é uma plataforma bem completa. Além de possuir templates, oferece também a opção de você criar o seu formato com facilidade. Ele disponibiliza diversas integrações e oferece relatórios de performance. Seu diferencial é que você pode contratar planos mensais a partir de R$58,88 com direito a disparos ilimitados para até 10.000 contatos ou optar pagar por mensagens avulsas, ou seja, por quantidade de e-mails enviados.

Get response

É um dos mais intuitivos do mercado e proporciona desde a criação de mensagens personalizadas, automação de marketing, até a criação de landing pages.

Se você possui mais de mil contatos, já pode pensar em usá-lo. Os planos começam a partir de 15 dólares por mês.

RD Station

Se você está buscando uma plataforma mais completa em termos de integrar toda sua estratégia em um só lugar, a RD Station é uma das mais completas no mercado nacional atualmente.

Além de criar landing pages, disparar e-mails e criar fluxos de automação, ainda é possível integrar com as redes sociais, ter relatórios completos e entender a trajetória de seus clientes.

Depois de todas essas dicas, você já está preparado para começar o planejamento de suas campanhas de e-mail marketing. Gostou do nosso conteúdo? Então assine a nossa newsletter!

 

Newsletter VX Comunicação

Que tal receber algumas recomendações de conteúdo personalizadas para você?