Que tal receber algumas recomendações de conteúdo personalizadas para você?

Marketing

6 erros na identidade visual que não devem ser cometidos

13 novembro, 2018

Já reparou que um desenho, uma cor mais expressiva ou um formato visto rapidamente na rua são capazes de trazer a imagem de uma empresa à mente? Sabe por que isso acontece? Um dos motivos é a boa gestão da marca, que envolve a criação do logotipo de um negócio, a escolha de cores que o representarão e o design dos seus materiais de campanha. Além disso, uma empresa que alcança êxito nesse quesito dificilmente apresenta erros na identidade visual que prejudicam a imagem da marca.

Redesenhar ou desenvolver um logo que só fica bem em algumas mídias é um exemplo de erro. Se você já teve dificuldades em harmonizar uma peça publicitária com a marca da sua empresa, sabe bem do que estamos falando. Aliás, falaremos melhor desse equívoco adiante.

Já que otimizar a identidade visual é vital para a estratégia de um negócio, listamos 6 dos principais erros que podem prejudicá-la. Acompanhe!

Identidade visual: 6 erros que você precisa evitar

1. Excesso de cores e efeitos

Não adianta enfeitar ou usar cores demais na identidade visual da empresa. Isso tem grande probabilidade de deixar sua marca e suas peças publicitárias poluídas, com excesso de informação e até mesmo repulsivas ao público-alvo.

Colorir muito não significa ser criativo, tampouco ajuda a reforçar a marca na mente das pessoas. É mais fácil tornar a mensagem da campanha pesada, desviando o foco do que se quer mostrar e ainda estampar rankings de piores identidades visuais. Você não quer isso, certo?

Recomenda-se empregar entre duas e três cores na construção da sua marca. Isso não significa torná-la minimalista — embora às vezes isso seja bom —, mas deixá-la mais simples, com um design fácil de ser lembrado. Como aponta aquela máxima do mercado, “menos é mais”.

Também resista à tentação de adicionar efeitos de tudo quanto é tipo às cores. Por mais que os programas de edição tenham centenas de recursos, contente-se com o mínimo possível. Caso contrário, existe uma boa chance de exagerar e deixar sua marca cansativa aos olhos, quando não estranha. Portanto, não se empolgue demais com degradês, sombras, luzes, entre outros efeitos.

2. Falta de clareza

Clareza é fundamental para a mensagem que a sua identidade visual passará. Para isso, é necessário pensar no formato que o logo da sua empresa terá, no símbolo que será usado e até mesmo no mascote (caso tenha). Qualquer pessoa que veja esses elementos precisa ser capaz de compreender o que seu negócio quer dizer.

O símbolo, por exemplo, precisa ser de fácil memorização. Veja o caso da Nike, que conta com um traço particular que é reconhecido facilmente e ainda transmite movimento e velocidade. Seu nome é “Swoosh”, representando também a asa da divindade grega da vitória, cujo nome é Nike.

 

3. Escolha de fontes complexas

A escolha da fonte ou das fontes que serão usadas na logo e nos materiais de divulgação da empresa é outra etapa que não pode ser desprezada. Se você empregar estilos complexos de letras, poderá dificultar a leitura dos materiais de campanha. Também é preciso cuidar com o simplismo exagerado, pois os materiais podem se tornar pouco expressivos.

Para não errar, lembre-se de logos com estilos de letras marcantes, como Walt Disney, Coca-Cola, Google etc. Basta ver palavras escritas nas fontes dessas marcas que podemos nos lembrar delas facilmente.

4. Ausência de um conceito

O que move o seu negócio? Com o que ele deve ser relacionado? Quais elementos podem realçar seus valores? É preciso responder a essas perguntas na hora de desenvolver o conceito que norteará a identidade visual da sua empresa. Além disso, é necessário combinar alguns dos itens apontados nas dicas acima, como as cores, a fonte da letra e o uso de recursos visuais.

Se a empresa é ambiental, a escolha de tons de verde, de um animal como mascote e de palavras como “vida”, “proteção” ou “responsabilidade” vinculados a termos da área podem mostrar seus valores. Tudo isso também é capaz de indicar que a marca atua em um segmento ecológico e quer ser vista como referência nele.

Se for uma organização esportiva, o uso de um símbolo do esporte relacionado a ela é capaz de tornar clara a sua atividade. Um fabricante de materiais para futebol que tem a bola no seu brasão é um bom exemplo.

Pior do que não deixar claro o conceito usado pela empresa é ele não existir. Adotar aleatoriamente símbolos, cores, designs e outros elementos pode causar mais confusão na mente dos consumidores do que tornar o seu negócio memorável em suas mentes. Para evitar isso, lembre-se de escolher um conceito e planejar bem como ele será transmitido pela identidade visual da organização.

5. Ausência de adaptação em diferentes aplicações

Ao desenvolver a identidade visual, é fundamental pensar em suas várias aplicações, tanto no meio físico quanto no virtual. O logo, por exemplo, deve ficar bem em impressos, embalagens, outdoors etc. Também deve ser adequado a posts em redes sociais, anúncios, imagens de fundo do site da empresa, entre outras mídias.

Não se esqueça de que, no ambiente digital, o logo ainda precisa ser desenvolvido para que apresente sua mensagem e sua beleza em diferentes tipos de dispositivos (responsividade) e mídias.

6. Falta de um manual de identidade

Outro dos erros na identidade visual é a ausência de um manual que norteie o desenvolvimento da marca, do logo e de suas peças publicitárias em conformidade com os valores, as cores, as fontes e os demais recursos que representam a empresa.

Esse material não só envolve o planejamento da identidade visual do negócio como serve de base para eventuais remodelagens de design e de mensagens, com o intuito de preservar alguns dos valores da empresa — em outras palavras, ações de rebranding.

Para evitar os principais erros na identidade visual da sua organização, a dica é buscar uma parceira que ofereça um serviço de apoio nessa área. Ela não só ajudará você a evitar esses equívocos como contribuirá para a criação de materiais mais alinhados aos ideais da sua empresa e para a elaboração de uma identidade visual de destaque. Afinal, ela é essencial para o sucesso da imagem do negócio.

Por falar nisso, aproveite para conhecer o serviço de identidade visual da VX Comunicação e descubra suas vantagens!

Newsletter VX Comunicação

Que tal receber algumas recomendações de conteúdo personalizadas para você?